Desabafo ...

Estou tão confusa, estou confusa comigo mesma. Tenho medos, sou muito frágil, posso não aparentar, posso andar sempre com um sorriso na cara, mas as lágrimas já não têm "força" para cair. Sinto-me a cair, sinto-me cada vez mais fraca, tenho 3 das pessoas mais importantes longe de mim, eu quando mais precisava dessas pessoas, talvez até um abraço, isso chegava, mas tenho-as longe, longe de mim, sem as poder ver, sem as poder tocar, sem as poder ter ao pé de mim, sinto imensa falta delas. Só as queria comigo, é assim tão difícil perceber? É assim tão difícil "conceder-me" esse desejo? Porquê, que me sinto assim tão frágil? Porquê que me estou a sentir assim? Porquê que desiludo as pessoas que de certa forma não quero? Porquê que odeio a pessoa que me estou a transformar? Porquê que a minha cabeça está nesta confusão toda? Porquê que eu não sou diferente? 
Começo achar que vivo para nada, acho que não faço falta a ninguém, sinto-me um fardo na vida das pessoas, não gosto de incomodar, mas  ah um ponto onde se explode, hoje ou talvez já ah algum tempo atingi esse limite, rebentei, não aguento mais, sinto a minha cabeça às voltas, o que já me afetou nas aulas, sim, baixei as minhas notas a tudo, os meus S.B e Excelentes, desapareceram, e tornaram-se em Satisfaz. Isto é uma bola de neve, que não  tenho forças suficientes para travar. 
Preocupo-me com cenas, com as pessoas que me rodeiam, e eu? Será, que devo mudar? Odeio cada vez a pessoa que me estou a formar, eu fiz uma promessa a mim mesma "não vou ser igual a ti" e estou a ficar igual a ti, a unica coisa que eu pedia para não acontecer, está a ficar cada vez mais nítido, eu estou a ficar igual a ti, não quero, mas tu pressionas-me, dizes que tenho de ser igual a ti, mas caramba eu não quero, deixa-me ser eu, deixa-me em paz, não percebes isso? Estás a fazer de certo modo com que eu me torne assim, a culpa é minha, eu é que tenho fazer melhor e conseguir, mas tu dizes totalmente o contrário, dizes que não sou responsável, que só quero saber do pc e essas cenas assim. Sabes o quê que eu te digo, ou pelo menos irei vir a dizer? Não sou perfeita, nunca o quis nem nunca o vou querer ser. Não é por tu não gostares da minha pessoa que eu vou mudar por ti. As pessoas erram, tu mais que ninguém devias saber isso eu não sou exceção, se cometo erros é porque certamente vou aprender com eles, tenho 12 anos, não 20 nem 30. Pois bem, neste momento, não sei quem sou, não sei de onde vim, sei que vou ser diferente de ti. 
Neste ano a minha "vida" deu uma volta, mas uma grande volta, não sou a mesma pessoa, sei disso, talvez me esteja a transformar numa rapariga, na mulher que vou ser um dia mais tarde. Sim porque eu não vou ser dependente de ti para nada, quero acabar os estudos e bazar, desta casa, de onde não sou feliz, já me trouxe bons momentos, mas agora é constantemente momentos maus, e eu estou farta, desta "vida", quero muda-la mas não sei como, quero ser feliz, quero viver, quero que me deixem em paz, quero desaparecer durante uns dias, quero encontrar-me de novo ou pela primeira vez. Ainda não sei, mas se o encontro for tão duro como a despedida, que aconteça isso já, porque ao menos passo por tudo de uma vez, e não aos poucos! 




Bem, peço desculpa aos meus leitores por este momento mas teve de ser, precisava mesmo.
Vou tentar postar no fim de semana e na sexta-feira à noite, os comentários só responderei no domingo.
P.S.: Ao lerem este texto ouçam esta musica http://www.youtube.com/watch?v=3bLp3TPvkvg&feature=feedlik 

Obrigada por tudo 
Beijos Mara :)

2 comentários:

Catt´s disse...

Linda, temos de FALAR ! Nao precisamos de falar ! E nao te vou deixar ate falar mos muito a serio ? E a minha pergunta é: PORQUE É QUE NAO FALAMOS ANTES ????????
A serio eu quero ajudar te amor .

Catt. disse...

AMO-TE .
já te disse isto antes , não és nenhum fardo na vida nngm , sem ti já não podia viver e já te disse que vens viver cmg ! AMO-TE NUNCA TE ESQUEÇAS ;)